MERCADO DE TRABALHO DA MASSOTERAPIA

A massoterapia é baseada em ensinamentos milenares, contudo, no Brasil, esta prática começa a ser reconhecida agora pelos clientes, como um tratamento natural para uma vida melhor.

Aqui no Brasil, o mercado de trabalho da massoterapia e a massagem em geral estão ganhando cada vez mais espaço como tratamentos cada vez mais valorizados, devido aos seus próprios resultados benéficos.

É bem comum os entusiastas e aspirantes a massagistas questionarem se trabalhar com massagem é bom, se há mercado de trabalho nesta área e onde um massoterapeuta pode atuar.

O campo de trabalho do massoterapeuta é bem amplo e bem gratificante profissionalmente como veremos neste artigo.

Terapeuta fazendo massagem nas costas

ONDE O MASSOTERAPEUTA PODE TRABALHAR?

Geralmente, os profissionais massoterapeutas atuam como autônomos com atendimentos particulares ou podem trabalhar como terceirizados em casas de repouso, spas, academias, clínicas de estética, eventos, entre outros.

Gosta muito de massagem? Então curta!

Hoje em dia, a massagem já conquistou um enorme espaço nas empresas nacionais e multinacionais que acabam por contratar terapeutas para fazer massagem em seus funcionários durante o expediente.

O conceito de massagem está mudando e a população em geral está se familiarizando com a visão de que uma massagem pode ser tanto relaxante e terapêutica.

Esta mudança de visão quebra muitos tabus e isto é uma grande vantagem para quem está entrando no mercado da massoterapia.

Por trabalhar na maioria das vezes como autônomo, não é possível determinarmos um valor médio de salário. Recomendo a leitura do artigo publicado aqui no blog sobre quanto ganha um massoterapeuta.

PERFIL PARA SE TORNAR UM MASSAGISTA

Para os interessados em se tornar um massagista, saiba que é necessário algumas virtudes como habilidade manual, percepção sensorial e intuitiva, capacidade de escuta, visão holística, gostar de interagir com outras pessoas, ter boa coordenação motora e ser uma pessoa atenta.

Geralmente, aqueles que mais se interessam pelo mercado de trabalho com massagem são pessoas interessadas no processo de autoconhecimento, ajudar ao próximo, conhecer a morada da essência – o corpo.

Muitos profissionais surgem de outras áreas que não estão ligadas a área da saúde, na busca de conhecimento pessoal e se tornam massagistas e há também aqueles que procuram esta formação na busca de uma nova profissão.

O QUE É NECESSÁRIO PARA SER UM PROFISSIONAL DA MASSOTERAPIA?

Para ser um massoterapeuta é necessário fazer um curso de no mínimo 1200 horas (cerca de 1 ano e meio) com estágios supervisionados, no qual o aluno aprende a aplicar várias técnicas terapêuticas manuais (massagens orientais e ocidentais, alongamentos, respirações, etc.) baseadas na maioria das vezes na medicina tradicional chinesa ou ayurveda.

As pessoas que decidirem fazer cursos livres são assim profissionais diplomados em técnicas de massagem específicas, não podendo ser chamados de massoterapeutas e sim massagistas.

Para entender melhor essas nomenclaturas, sugiro a leitura de outro artigo aqui do blog, onde é explicado detalhadamente a diferença entre massoterapeuta e massagista.

Na teoria, o massoterapeuta conhece mais técnicas diversas de massagem e possui maior estudo sobre anatomia, fisiologia, biomecânica e patologias. Na prática, há massagistas que se especializaram em determinadas técnicas e continuam seus estudos voltados para estas técnicas específicas e conseguem proporcionar grandes resultados para seus clientes.

Veja também: Onde fazer curso de massagem

CONCLUSÃO

Podemos concluir que há um campo amplo onde o massoterapeuta pode trabalhar, pois há demanda existente no mercado por pessoas com formação técnica, e deve continuar crescendo. Na área de massoterapia existe uma carência de quem possa oferecer de forma prática e com amplo conhecimento na prestação destes serviços.

“A massoterapia oferece um momento de ascensão, a pessoa volta para suas raízes, aprendendo as técnicas naturais e é cada vez maior a procura das pessoas por um oásis, onde consigam relaxar e ocorrer o processo de introspecção.”

MERCADO DE TRABALHO DA MASSOTERAPIA
4.07 (81.43%) 14 votes
Escrito por Cristiane Achkar Consultora na Beleza IT & Therapy, acupunturista, possui formação em massoterapia com vasta experiência em massagens terapêuticas orientais, clássicas e estéticas.

Gostou? Recomende esse artigo para seus amigos!

21 Comentários em MERCADO DE TRABALHO DA MASSOTERAPIA

  1. luana disse:

    Estou iniciando agora e estou apaixonadaa

  2. Danuza Mayra disse:

    Quero comprar um kit de massagen onde posso encontrar? Me endiquem por favor!

  3. gracciele moura disse:

    bom dia eu adoro aprende faz curso
    MASSOTERAPEUTA ou MASSOTERAPIA
    aonde tem pra fazer curso
    eu moro rio de janeiro obrigado

  4. luciana santos da silva disse:

    oi boa noite!gostaria de entrar nessa area de massagens gostaria também que me desse uma oportunidade tenho curso de massagens shiatisu mocha e sotai e faço um pouco de esfoliação corporal.desde ja eu agradeço pela oportunidade.

  5. nivaldo lago disse:

    Li e gostária de saber como posso tomar um curso online, ou se tem curso presencial aqui em Mafrá, Santa Catyárina. Já executo massagem em casa em familia, mas gostária de exercer essa atividade, recebendo um valor monetário por isso.

  6. Maria Das gracas da conceicao marins disse:

    Eu ja comgrir ocurso quero uma oportunidade na ária de mercado de ptrabalho

  7. Sonia maria disse:

    Fiz técnico de massoterapia gostaria de mim aprofundar como faço? Pra fazer uma faculdade sou de Manaus Amazonas

  8. jamur disse:

    vamos se ligar aqui em floripa tem muita mulher querendo vender algum a mais que uma simples massagem

  9. gilmar soares cavalcante disse:

    estou tendo dificuldade,
    para entrar no mercado,
    e adquiri cliente, o que tenho que fazer?

  10. gilmar soares cavalcante disse:

    ainda estou tendo dificuldade,
    para alcançar, clientes,
    qual o melhor meio para atrair clientes?
    pois já sou cursado.

  11. Renato Marreira Veras disse:

    Infelizmente há muitos equívocos sobre a massoterapia.

    Um muito comum é a confusão entre massagista e massoterapeuta.

    Massagista é o antigo nome dado ao auxiliar de massagem, e não um profissional formado em curso livre; o curso que formava o massagista era o de 200 horas com nível profissionalizante, enquanto o massoterapeuta possui nível técnico com no mínimo 1.200 horas.

    Massagista e massoterapeuta na verdade são a mesma coisa, sendo que o título de massagista auxiliar foi substituído pelo de massoterapeuta, e a formação profissionalizante de 200 horas foi substituída pelo técnico de 1.200 horas, assim como aconteceu com a enfermagem e a podologia no início do século XXI.

    Massoterapeuta técnico bem treinado e com conhecimentos de sua profissão evidentemente está melhor preparado do que um profissional de curso de 200 horas.

    Também a corrente filosófica de atendimento a saúde é a medicina naturopata, e não medicina tradicional chinesa e ayurveda, pois ambas não tem qualquer ligação com a terapia por massagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *