O QUE É ANMÁ?

Algumas pessoas sentem-se envergonhadas em se despir para receber massagem e muitas deixam de receber massagem por este motivo. Saiba o que é anmá e descubra como se beneficiar desta técnica.

Quando visualizamos um anúncio sobre massagem, geralmente vemos mulheres ou homens com as costas totalmente descobertas e/ou pessoas despidas.
Não é de se estranhar que algumas pessoas até têm curiosidade de receber massagem, mas ficam intimidadas por não conhecerem o profissionalismo do terapeuta que irá aplicar a massagem e acabam por achar que haverá “algo a mais”.
Para acabar com este tabu, apresento-lhes o Anmá.

AFINAL, O QUE É ANMÁ?

Em japonês, a palavra “An” significa “apertar” e “” quer dizer “esfregar, amassar”.
Esta técnica de massagem é uma das mais antigas e tradicionais massagens de origem oriental.

Seu principal objetivo é promover o equilíbrio fisiológico do corpo (homeostase), aliviando dores e acelerando o processo de reequilíbrio energético também.

O que é Anmá?

QUAIS AS CARACTERÍSTICAS?

Na técnica Anmá são utilizados técnicas de deslizamento, amassamento, vibração, pressão, percussão, pinçamento e alongamento e o cliente não precisa retirar nenhuma peça de roupa para receber a massagem.

Gosta muito de massagem? Então curta!

A principal característica da massagem Anmá é que ela não usa qualquer tipo de óleo ou creme. Portanto, o terapeuta utiliza os dedos, braços e mãos como recursos para a prática desta técnica.

QUAIS BENEFÍCIOS

Assim como todas as massagens, o Anmá segue os fundamentos e conceitos de saúde da OMS (Organização Mundial da Saúde)

“Saúde é um estado de completo bem estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doenças.”

Benefícios físicos: Relaxa o corpo, alivia dores crônicas, alivia a fadiga muscular, reduz a dor muscular, fortalece o sistema de proteção do corpo (imunológico), entre outros.

Benefícios mentais: Promove o relaxamento mental, melhora a concentração, alivia o estresse mental, entre outros.

Benefícios sociais: Reduz a ansiedade, sensação de bem estar e auto estima, alivia o estresse emocional, entre outros.

ORIGEM DO ANMÁ

Como quase toda técnica de massagem, é praticamente impossível definirmos com exatidão a origem do Anmá.

Os relatos que temos são de que ela foi inspirada na Medicina Tradicional Chinesa e foi desenvolvida há mais de 3000 anos na China Antiga, porém, mais divulgadas pelos terapeutas japoneses.

CONTRAINDICAÇÃO DO ANMÁ

Como em toda massagem, há alguns cuidados a serem considerados na hora de fazer ou receber esta técnica. Esta massagem não é recomendada nos seguintes casos:

  • Infecções na pele
  • Febre
  • Doenças contagiosas
  • Intoxicação por álcool ou drogas
  • Cirurgia ou fraturas recentes
  • Qualquer tipo de câncer
  • Gestantes até o terceiro mês

CONCLUSÃO

Após descobrir o que é Anmá, espero que com este artigo, você se sinta mais a vontade para começar a desfrutar dos benefícios que a massagem anmá pode lhe proporcionar.
Para um terapeuta, é fundamental saber se o cliente está a vontade. Caso contrário, que tal oferecer esta técnica para quebrar paradigmas?

E VOCÊ? O QUE ACHOU DO ANMÁ? COMENTE!

O QUE É ANMÁ?
3.58 (71.58%) 19 votes

Gostou? Recomende esse artigo para seus amigos!

9 Comentários em O QUE É ANMÁ?

  1. Marcos André disse:

    O texto foi bastante esclarecedor, mas faltou um vídeo, ainda que curto, para ficar mais claro; só a foto não foi suficiente.

  2. Antonia de Maria disse:

    Sou massoterapeuta. Gostei muito do seu artigo e recomendo à todos que estão interessados em se aprofundar mais sobre o assunto e se especializar nesta área, pois a humanidade precisa de saúde. Abraços!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *